Oficina CEER
 05-07-2012
TURISMO RURAL DEBATIDO POR ESPECIALISTAS DE VÁRIOS PAÍSES

O Polo da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD), em Chaves, reuniu durante três dias cerca de uma centena de investigadores e académicos de vários países ibero-americanos, no VIII Congresso Internacional sobre Turismo Rural e Desenvolvimento Sustentável (CITURDES). Esta 8ª edição do CITURDES teve como objetivo refletir sobre o papel do turismo em contextos de pós-ruralidades ou neoruralidades, segundo as perspetivas teóricas adotadas. Nestes novos contextos, os turistas encontram-se não apenas com os velhos residentes rurais, mas também com novos habitantes neorurais, recém-chegados, retornados ou outros que se deslocam ao rural na procura do que imaginam ser uma melhor qualidade de vida. Esta translocalidade, que questiona a dicotomia simplista rural/urbano, é especialmente relevante quando falamos de turismo rural e desenvolvimento sustentável, pois observa-se uma mistura complexa de agentes sociais que estão a reconstruir e resinificar os tradicionalmente chamados espaços rurais.

Tratou-se de um bom momento para discutir sobre estas problemáticas e também sobre as políticas de apoio ao turismo rural em diferentes partes do mundo, bem como para comparar as transformações operadas em contextos de diversidade sociocultural, geopolítica e económica, especialmente na Ibero América. No congresso participaram cerca de 100 investigadores vindos do México, Guatemala, Panamá, Colômbia, Brasil, Galiza, Inglaterra, Espanha, Itália e Portugal. Com mais de 50 comunicações e 5 conferências plenárias de oradores convidados como Bernard Lane, Artur Crosby, Elisabeth Kastenholz, Ivo Elesbão e Marcelino de Souza, as atas foram publicadas, em suporte digital, com antecedência ao evento, e também estarão disponíveis em acesso aberto e gratuito na coleção de e-books de “Pasos difunde”: http://www.pasosonline.org/Paginas/e-book.htm

O evento, organizado pelo CETRAD (Centro de Estudos Transdisciplinares para o Desenvolvimento), teve lugar no Pólo da UTAD (Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro) em Chaves e a avaliação que os participantes fizeram do programa científico e do programa social (com visitas na cidade de Chaves, a unidades TER da Galiza e Portugal, a adegas enoturísticas, e ao Ecomuseu do Barroso) foi muito positiva, gerando-se a partir do evento protocolos de cooperação e intercâmbio entre algumas das instituições participantes. Durante o congresso, os participantes foram convidados a visitar uma exposição sobre turismo e desenvolvimento doada pela ONG espanhola Sodepaz, e que poderá ainda ser visitada no Polo da UTAD em Chaves até ao mês de Setembro de 2012. Além do mais, os participantes foram convidados para integrar a rede RITA (Rede Iberoamericana para o uso turístico responsável dos recursos naturais), coordenada pelo Prof. Dr. Agustín Santana (Universidade de La Laguna-Tenerife-Ilhas Canárias-Espanha): http://red-rita.com/

A próxima edição do CITURDES terá lugar na Universidade de São Paulo em 2014.

Fonte: http://www.utad.pt/