Oficina CEER
 25-06-2018
CARLOS MELO BRITO É A “PERSONALIDADE DO ANO” PARA INVESTIDORES NACIONAIS

O Pró-Reitor da Universidade do Porto Carlos Melo Brito foi ontem reconhecido pela Associação Portuguesa de Business Angels (APBA) com o prémio de Personalidade do Ano, uma distinção partilhada apenas com o Comissário Europeu da Investigação, Ciência e Inovação, Carlos Moedas.

Foi por unanimidade que o júri deste prémio destinado a reconhecer personalidades que se tenham distinguido no apoio ao desenvolvimento do ecossistema empreendedor em Portugal decidiu atribuir o galardão deste ano a Carlos Melo Brito e Carlos Moedas – o primeiro pela atividade realizada no âmbito nacional e o segundo pelo impacto internacional da sua ação.

Responsável pela área da Inovação e Empreendedorismo da Universidade do Porto durante os últimos sete anos, Carlos Melo Brito considera que a atribuição deste prémio é “um reconhecimento do contributo que a Universidade tem vindo a dar para o reforço da competitividade, do desenvolvimento e da inclusão social de Portugal e da Europa”.

“Tive o privilégio de estar na Universidade do Porto numa altura em que foi definida uma estratégia para o fomento da Inovação e do Empreendedorismo, em que a mesma foi implementada no terreno e que agora apresenta os melhores resultados nacionais: somos a instituição com mais patentes registadas em Portugal, temos o maior e o melhor Parque de Ciência e Tecnologia universitário português [o UPTEC] e somos o maior produtor de conhecimento do país, com 25% dos artigos científicos produzidos em Portugal”, explicou o Pró-Reitor para a Inovação e Empreendedorismo.

Resultados que são motivo mais que suficiente para que Carlos Melo Brito não tenha hesitações em afirmar que “nesta área, a Universidade do Porto é a melhor universidade portuguesa”.

Esta preponderância da U.Porto é fruto do trabalho de vários membros da comunidade académica, como o próprio Pró-Reitor fez questão de referir no discurso de aceitação do prémio. “Tive a oportunidade de agradecer publicamente a três grupos: aos meus fornecedores, aos meus clientes e aos meus operários”, afirmou Carlos Melo Brito, explicando que “os fornecedores são os investigadores que fornecem a matéria-prima que é o conhecimento; os clientes são as empresas e instituições que utilizam esse conhecimento na forma de soluções úteis à sua atividade; os operários são todos os que trabalham na U.Porto Inovação, no UPTEC ou nos institutos de interface da U.Porto e que eu apelido de transformers, porque são eles que transformam a matéria-prima em soluções úteis ao mercado”.

A entrega do prémio decorreu numa cerimónia realizada pela Associação Portuguesa de Business Angels no Museu da Eletricidade, em Lisboa, e que contou com a presença da Secretária de Estado da Indústria, Ana Teresa Lehman e dos cerca de 160 associados da APBA, para além dos próprios homenageados.

O prémio Personalidade do Ano é atribuído por nomeação direta do júri (João Trigo da Roza, presidente do “board” da APBA; José Lopes, membro da administração da APBA; Lurdes Gramaxo, membro executivo do conselho de administração da Busy Angels; Jorge Portugal, diretor executivo da COTEC; Marco Fernandes, CEO PME Investimentos; e Paulo Fernando Ribeiro, líder do departamento de estratégia e avaliação fiscal na PwC), após indicação dos associados da APBA de uma short list dos 10 nomes mais citados.

Fonte: http://noticias.up.pt/

Archivos asociados a esta noticia: