Oficina CEER
 09-10-2008
Encontro sobre Web 2.0

Realiza-se, no próximo dia 10 de Outubro, o Encontro sobre Web 2.0, a ter lugar no Campus de Gualtar, da Universidade do Minho.

O Encontro Web 2.0 tem por objectivo sensibilizar docentes e educadores para a necessidade que a escola tem de se abrir a novos cenários de educação formal e não formal e ser um agente activo nesta nova geração da Internet social que se focaliza nas interacções, nos grupos e na construção social do conhecimento. Pretende-se que seja um ponto de encontro de investigação e de boas práticas.

Os participantes assistem a conferências e comunicações que reportam a utilização de ferramentas da Web 2.0, como blogues, wikis, podcasts, Second Life, entre outros, bem como podem escolher um workshop dos 9 disponíveis:

▪ 1. Blogue, YouTube, Flickr e Delicious - Sónia Cruz
▪ 2. Podcast e utilização do software Audacity - Adão Sousa e Fátima Bessa
▪ 3. Dandelife, Wiki e Goowy - Hugo Martins
▪ 4. Ferramentas Google: Page Creator, Docs e Calendar - Célio Gonçalo Marques
▪ 5. PopFly - como editor de mashups - Pedro Ferreira e Ricardo Pinto
▪ 6. A Web 2.0 e as Tecnologias Móveis - Adelina Moura
▪ 7. Ambientes Virtuais e Second Life - Nelson Zagalo e Luís Pereira
▪ 8. Do Movie Maker ao YouTube - Joana Carvalho
▪ 9. Mapas Conceptuais Online - Graça Magalhães e Filomena del Rio

Manual de Ferramentas da Web 2.0

No âmbito do Encontro sobre Web 2.0, vai ser distribuído o Manual de Ferramentas da Web 2.0 para Professores, publicado pelo Ministério de Educação - ref.ª: Carvalho, Ana Amélia A. (org.) (2008). Manual de Ferramentas da Web 2.0 para Professores. Lisboa: DGIDC, Ministério da Educação.

Com a Web democratizou-se a publicação online e o acesso à informação. Com o aparecimento das funcionalidades da Web 2.0, a facilidade de publicação online e a facilidade de interacção entre os cibernautas torna-se uma realidade. A Web passa a ser encarada como uma plataforma, na qual tudo está facilmente acessível e em que publicar online deixa de exigir a criação de páginas Web e de saber alojá-las num servidor. A facilidade em publicar conteúdos e em comentar os "posts" fez com que as redes sociais se desenvolvessem online. Postar e comentar passaram a ser duas realidades complementares, que muito têm contribuído para desenvolver o espírito crítico e para aumentar o nível de interacção social online. O Hi5, o MySpace, o Linkedin, o Facebook, o Ning entre outros, facilitam e, de certo modo, estimulam o processo de interacção social e de aprendizagem.

Escrever online é estimulante para os professores e para os alunos.

Neste momento, os agentes educativos podem, com toda a facilidade, escrever online no blogue, gravar um assunto no podcast ou disponibilizar um filme no YouTube. O ambiente de trabalho deixa de estar no computador pessoal do professor e passa a estar online, sempre acessível, a partir de qualquer lugar do planeta com acesso à Internet. Nunca mais o professor corre o risco de se esquecer de trazer alguma coisa para a aula, porque a um clique pode aceder aos seus favoritos no Delicious, aos seus textos, gráficos ou apresentações no Google Docs, às suas imagens no Flickr ou no Picasa, aos seus vídeos no YouTube.

Nos nove capítulos deste livro várias ferramentas da Web 2.0 são apresentadas, tendo como objectivo facilitar aos professores e educadores a sua inserção em contexto educativo. Assim, em cada capítulo é feita a contextualização de cada ferramenta, explica-se como criar um espaço online e aborda-se a sua utilização nas práticas educativas.

Mais informação disponível em:
http://www.iep.uminho.pt/encontro.web2

Archivos asociados a esta noticia:
application/octet-stream: Vídeo